Tem dias em que Bresson me salva


“Nada é permanente: a mocidade, a meia-idade, a velhice, a felicidade, a potência e, tampouco, as verdades. O poder temporal nos derrota. A nos socorrer, vem a fotografia eternizar o impermanente. Transforma as imagens em símbolos, registra e faz a memória, conferindo um rosto à história, retratando aqueles que fazem a alma do mundo.”

Roberto Rosas Fernandes
Anúncios

2 Respostas para “Tem dias em que Bresson me salva

  1. Nada como uma palavra positiva para fazer a diferença, né?!:)Eu gosto quando leio algo que me dá esperanças e se encaixa perfeitamente com o momento que estou vivendo…Acho que foi isso o que aconteceu com você, neste post. Muito bacana!!!Estou com saudades (MUITAS)!!!Beijos 🙂

  2. Viva a fotografia!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s