Da vontade de ser Peter Jackson

Eu sou fã de Senhor dos Anéis. Está aí a minha desculpa para ir assistir a A Bússola de Ouro em cartaz nos cinemas desde sexta-feira. O filme se pretendia a nova saga fantástica, do tipo que cria novos mundos, novas línguas, como é o filme, e como fez JRR Tolkien com a história do anel que a todos pode dominar. A decepção foi grande. Principalmente pela qualidade literária do material bruto de Philip Pullman, uma trilogia com passagens interessantíssimas, que viram pó (com o perdão do trocadilho para quem já conhece a trama) na adaptação cinematográfica.

Se você tem um filho pequeno que adora ir ao cinema, vale a pena. Os efeitos especiais são grandiosos e enchem os olhos. Mas os custos com a parafernália toda deviam ser tão grandes que eles esqueceram de contratar uma equipe adequada de dramaturgia. Em Bússola de Ouro, o primeiro livro da trilogia, a menina Lyra (Dakota Blue-Richards) descobre ser a única pessoa em seu mundo a conseguir ler um objeto muito valioso: a bússula que responde a qualquer pergunta apenas com a verdade.

Uma espécie de governo autoritário, no entanto, chamado Magistério, liderado pela Sra. Coulter (Nicole Kidman), está disposto a eliminar esta última bússola do mundo, como fez com as outras, e levar a criança junto. Mas Lyra terá a ajuda de seu tio Lord Asriel (Daniel Craig), da rainha das feiticeiras (Eva Green), e do rei dos ursos polares guerreiros nesta empreitada.

Quem estiver disposto a acompanhar esta aventura vai precisar de um pouco mais do que paciência. Os filmes, como os livros, foram projetados para serem três. Logo, o final de A Bússola… é inconcluso: os fãs precisam esperar pelas duas sequências para entender alguma coisa. O problema é que a decepção nas bilheterias norte-americanas dão a entender que a continuação nunca chegará às telas.

Anúncios

2 Respostas para “Da vontade de ser Peter Jackson

  1. Eu sei que todo mundo odiou… Mas eu gostei do filme. E, sério, achei uma boa adaptação. É claro, adaptação, há uma distorcida aqui e ali, mas minha crítica maior seria que o filme parece um tanto corrido… E li o livro há uns três meses, bem antes do filme. O livro é fantástico. Mas o filme cumpre o seu papel. Eu tenho mania de gostar de alguns filmes de fantasia que todo mundo abomina “D&D” foi um deles. Sim, eu gostei.

  2. Pô, querida!:)Aqui em casa somos todos fãs de “O Senhor do Anéis”. Vimos os filmes no cinema, compramos os dvds, vimos todos os extras, choramos, torcemos, a minha irmã leu os livros e assim por diante.Mas sabia que não tive a menor vontade ver “A Bússola do Tempo”. Não sei, mas ahco que tive um pouco de pré-conceito. Acho que querem fazer uma nova trilogia, mas nunca vão superar o Senor dos Anéis. Peter Jackson fez um p*** trabalho nestes filmes e nada será igual. Além do mais, a história era muito boa e os atores, sem compração.”A Bússola do Tempo” parece ter mesmo muito efeito e um bom elenco, mas achei a história meio fraquinha pelo trailer. Não me animei e, após conversar naquele dia, percebi que não estava tão enganada!Ah, para finalizar: mais um belo texto!Hehehehe! Beijos 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s