Adeus a Jack Bauer

Eu sei que estou pelo menos uma semana atrasada para comentar a notícia, mas a semana foi corrida e só consegui falar do assunto agora.

Sim, eu estou incrivelmente chateada com o final de 24 Horas. Mas foi em boa hora.  Além das milhares de questões práticas que acabaram resultando em seu cancelamento – falta de verba, esgotamento das histórias, etc – a que mais me interessa é cultural.

Jack Bauer já não faz mais sentido no mundo pós-Obama. Em 2001, quando a série estreou, um atentado terrorista ainda estava reverberando pelo mundo – e os Estados Unidos precisavam mais do que nunca de um salvador da pátria que resgatasse os norte-americanos da ameaça iminente.

O mundo político mudou – e ficou mais complexo. A simples explicação de que George W. Bush resolveria todos os problemas de uma era com sua Guerra ao Terror caiu por terra, e custou aos republicanos a vitória nas últimas eleições presidenciais. Sim, as mesmas que elegeram Barack Obama, um democrata pró-diálogo, para o cargo mais importante do mundo.

Se ele está dando conta do recado, ou não, isto é outra história. Mas esta, a de Jack Bauer, acaba no momento em que pé na porta e tapa na cara não resolvem mais a situação – ou não dão conta de explicar para os americanos no que se transformou o mundo em que eles vivem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s